domingo, 17 de maio de 2020

Como organizamos o mundo.





Somos um nave espacial viajando pelo universo cumprindo uma rota que estamos ainda por descobrir aonde ela vai chegar.
Assim somos totalmente dependentes dela para podermos sobreviver e ela generosamente nos fornece tudo que possamos via a precisar para sobreviver, com uma condição precisamos procurar os meios e usá-los de forma apropriada para dar a manutenção de tudo que ela nos fornece sem abusarmos do que ela produz ou guarda em seu bojo.

Assim me questiono: quanto custa uma maçã?

Na lógica nada. NADA? Sim, nada. Ninguém junto com suas mãos os elementos químicos que formaram a maçã, dando sabor, aroma e doçura ao nosso paladar e vitaminas que possibilitem a nossa manutenção química da nossa máquina química que usamos para viver no planeta.

Bom legal e o que eu pago por uma maçã no mercado isso é o que?

Simples você paga o homem, o que colheu e adubou a macieira, o transportador que a trouxe do interior ao Ceasa, o dono da banca no Ceasa que a dividiu em lotes possibilitou o feirante comprar uma parte de todo o estoque, e você que foi a feira pegar o seu quilinho de maçã para saboreá-la geladinha. A maçã não teve custo, foram os homens que a transportaram e cuidaram dela que você pagou.

Perceba que isso é a forma que encontramos para recompensar alguém para fazer um trabalho que todos não poderiam fazer, pois se todos ficassem na floresta caçando alimentos para sobreviver não teríamos cidades, carros, casas e maquinário para nos ajudar a sobreviver, já quede algum modo o homem entre os mamíferos é o indivíduo ou animal mais frágil de toda a natureza.
O que desejo mostrar com isso?

Que um sistema de organização deve mudar quando ele é esgotado de suas possibilidades de manter a vida no planeta. E O sistema monetário já ultrapassou o limite das possibilidades de utilidade.

O problema que não temos um outro sistema melhor e mais justo.
Quando Marx faz seu manifesto comunista ele faz isso, mas não percebe que ele tem que culpar alguém e não percebe que ele está culpando a própria evolução da espécie humana e por ser ateu olha tudo com o prisma da vida de uma única passagem pela Terra e o que é mais confuso, sem nenhum objetivo real de vida. Como se tivéssemos um Caos ou Acaso sádico onde todos deve se ferrar para que ele possa se divertir como uma criancinha brincando com seus soldadinhos de chumbo.

Pelo que o mundo evoluiu, não faz o menor sentido termos uma vida única. Pois como poderíamos apreciar e usar aquilo que gestamos na terra.
Veja que dizem, que os alemães e os quinta coluna dos países invadidos e que fizeram atrocidades, hoje vivem na África passando fome, para compensar a morte lenta que promoveram nos campos de concentração e nos países invadidos.

Como eu posso saber que fiz o outro sofrer, se não passar exatamente pelo que eu fiz esse suposto inimigo passar?
E assim aparece uma veja premissa que foi mal, muito mal interpretada pela humanidade, a Lei de Hamurabi ou a lei de talião, sendo preciso.
“OLHO POR OLHO, DENTE POR DENTE!”



Assim se eu como um guarda de um campo de concentração ajudei a fazer os prisioneiros passarem fome, eu em contra partido tenho que ser traumatizado, passando fome.

Como disse Jesus, quem com ferro fere, com ferro será ferido. É outra forma de dizer a mesma coisa.

Moisés mostra isso muito bem com toda a filosofia Judaica, falando do castigo de Deus ao povo judeu. Que a Igreja católica muda isso pois eles tinham inimigos reais, que eram os normandos, godos e o pessoal do norte da Europa que vivem fazendo incursões sobre o Império para derrubá-lo e assim os gregos lhes dão o motivo para tirar da natureza a lei de talião e pôr nas mãos do inimigo, O DIABO.

Percebam que como Marx, todos colocam a responsabilidade que normalmente chamam de culpa em alguém e hoje temos um presidente que é capaz de pro a culpa no mundo, mas nunca nele pelo que ele faz com a nação.
Tudo isso se chama INTERESSE.

Que tipo de interesse?

De poder escravizar alguém para ele poder ter facilidades que acha que isso seria o que se convencionou chamar de felicidade.

Assim todo o sistema monetário que produzimos está voltado ao egoísmo humano. E não a sua organização.

Egoísmo humano? Você é louco!
Pensem. O que você tem posse nessa vida, o que é realmente seu, aqui na terra?

NADA! Veja que maravilha, nem seu corpo é seu. Ao morrer ele vira adubo e vai alimentar plantas, animais e seres humanos de novo. Aqui que se convencionou chamar de Zé da Silva, se pulverizou pelo mundo todo e o raio do Zé não tem a menor consciência de que virou um café em um do bares requintados da Paris atual. E veja que quando vivo você se auto recicla, pois quando descarrega suas fezes no banheiro a velha proteína deformada ou a vitamina cansada de fazer a mesma reação química no teu corpo sai feliz e alegre para ir desaguar no Tiete e ser alimento para algum micro organismo que adora material decomposto que vai poder sustentar vida de algum peixe depois de mais de 200 quilômetros do esgoto que é São Paulo e assim seguir seu ciclo de alimento que acabará sendo alimento de outros e continuar a ser reciclado, até chegar no Atlântico e acabar na mesa de algum Sul-africano no seu almoço de domingo. Veja que beleza. Você ou seu carbono foi valorizado em um almoço de domingo em família.
Assim você NUNCA vai poder ressurgir no seu corpo de carne, pois no dia do juízo final tu vai tá espalhado pelo mundo e o seu mesmo carbono serviu de estrutura à vários animais e seres humanos e com isso também se você for montado com todo o carbono que você usou em digamos 60 anos de vida na Terra, você seria uma enorme massa gorda de tamanho desproporcional.
A mas Deus faz milagre e assim ele vai usar apenas o que é necessário e não exatamente o seu carbono.

Bom então você não é você, e como você vai poder se identificar sem alma?
Ora pela genética.

E não tem por milênios alguém muito parecido com você? E no caso de gêmeos? Perceba que a tua matéria encarnada na Terra não tem identidade pois a sua essência não existe e deve existir algo que carrega essa essência? E que se convencionou chamar de alma. E que, na verdade, a sua alma é você?
Bom vamos voltar a maçã.

Está bem claro que dentro dessa realidade terrena não somos donos de nada, nem de nosso corpo ou máquina química, como adoro chamar.
Assim como posso chamar a maçã de minha? Não posso. Posso dizer que a cultivei, eu cuidei, eu transportei, eu armazenei e eu distribui e eu comi, mas ela não é minha. Isso passa a ser absurdo com essa crise de autoritarismo que temos hoje pelo mundo, ainda mais com um presidente dizendo que: “quem manda aqui sou eu.” Além dele não ser dono ne do que fala, pois tem que desdizer logo depois de dizer, ele ainda acredita que é Dono do Brasil, se nem os portugueses conseguiram ser donos de algum coisa sem assaltar o Brasil como o Inglaterra através dos portugueses.

Como um presidente desse vai poder mostrar um novo caminho para a nossa futura realidade?

Desculpem, não tem como e ele reforça todo egoísmo possível do que devemos lutar contra. Na verdade não é lutar, pois essa luta é intima e não aberta ao público, mas um melhor amadurecimento para preservar a espécie e a vida humana.

Todo poder que é uma ilusão, pois ele é delegado a alguém por outro, ele te leva a loucura da sua vaidade pessoal e assim temos duas chagas, uma o egoísmo a outra o orgulho.

EU SOU FULANO DE TAL, JÁ FUI PROCESSADO, MAS VENCIA A BATALHA POR DECURSO DE PRAZO.

Isso é o mesmo que dizer que fui condenado, mas consegui sair livre da prisão, como tantos que estão no congresso. Mas são algo que nós lhe fornecemos o título e aceitamos como tal.

DEFININDO A PALAVRA:
servidor - 

adjetivo substantivo masculino
1.    1.
que ou aquele que serve.
2.    2.
adjetivo
que cumpre com rigor e zelo o que tem a fazer.

Semelhantes:
empregado, bói (boy), colomi, colomim, contínuo, criado, curumi, curumim, enóforo, familiar, fâmulo, funcionário, lacaio, leco, moço, pajem, rapaz, servente, serviçal, servo, trintanário, aguçoso, ativo, desembaraçado, desenvolto, despachado, diligente, empreendedor, esforçado, expedito, laborioso, prestimoso, producente, resoluto, trabalhador.

Percebam que pelos dados de semelhança, temos até o empreendedor como um serviçal. Quem é o empreendedor? O Patrão, Chefe, Gerente, Diretor, Acionista, Banqueiro, e por ai vai.

Em suma todos estamos aqui para servir e quem mais deve servir é o que se convencionou a ser chamado de SERVIDOR PÚBLICO, pois ele apenas recebe o trabalho dos outros que o sustentam e não são melhores que ninguém para isso. Alguns são dedicados, principalmente professores, médicos, e enfermeiros e aqueles que ficam na linha de frente, pois notam a dificuldade do povo e se compadecem deles e assim usam os melhores meios possíveis para auxiliá-los.
O pior servidor público que temos, e que deveria ser exemplo e é o número um do funcionalismo público, é exatamente aquele que mais ferra o povo, pois depende de apoio de poderosos para ficar no poder que está. A MERDA DO PRESIDENTE DA REPUBLICA E QUE POR MAIS INCOMPETENTE QUE POSSA PARECER, O TRABALHO DE DESPEDI-LO DA FUNÇÃO É ENORME, QUANDO DEVERIA SER A MAIS FÁCIL POSSÍVEL.

O funcionalismo público como disse o Guedes é o parasita da nação brasileira, pois nada produz para o bem do país e mama descaradamente para seu bel prazer. Já tivermos de tudo na presidência da república, de assassinos a loucos e ladrões. E ainda não conseguimos ter um estadista que possa unir o povo, pois dividi-lo é o que fazem melhor.



TUDO ISSO SÓ ACONTECER POR QUE ELES TEM UMA COISA CHAMADA INTERESSE. O QUE É O INTERESSE? DINHEIRO.

Todos que lutam pelo poder, estão à cata de dinheiro.

Pergunta por que uma empresa quer ter um produto ou vários, líder de mercado?

Simples, por que ela comanda o preço do produto na prateleira do supermercado e o seu concorrente mesmo tendo um produto de igual qualidade, tem que ter um preço menor para poder competir com ele.
Por que um político quer ter poder?

Simples, por que ele impõe a sua norma ao partido e pode ter as empresas que quiser para fazer o lobby pessoal e assim formatar leis convenientes a essas empresas ou banqueiros ou acionistas.

O sistema político do congresso está montado dessa forma onde você tem um líder partidário que é dono do partido e manda e desmanda dentro dele, e que você concordando ou não com a premissa do seu programa, você o sustenta, mesmo sendo conservador e paga para o PT existir ou ser um comunista de saco roxo, e pagar um partido como DEM que favorece banqueiros sempre.
Por que isso? Por que eles não precisam te defender, pois o teu dinheiro que os paga, vai sempre existir no bolso dele e eles precisam de gente que lhes pague para poderem serem ricos e assim se vendem para quem pagar mais. E não importa se a premissa é comunista, neoliberal ou conservadora, via para quem pagar mais.

A maior ironia que temos na política é o “centrão”, tem todos os partidos das mais diferentes linhas de pensamento e muitas em oposição a outras, mas forma um partido único pelo interesse comum. Por que não são um partido? Por que perdem o comando que possuem dentro do partido que estão.
Percebem como o orgulho e o egoísmo são usados no sistema monetarista e assim favorece enormemente a produzir miseráveis?

Marx tenta equilibrar isso, mas a partir de quando você impõe um poder sobre outro, no caso o governo sobre o proletariado, quem tem o poder abusa, o mesmo no capitalismo, pois o faça como eu “TRABALHE”, que terá sucesso, não importa se tu é maneta ou débil mental a lei é para todos.

Ai vem outro louco chamado Bacunin que para coibir o poder cria o anarquismo, mas não como uma sociedade pacifica, mas impositiva, obrigando os outros a aceitar a anarquia como forma de governo o que passa a ser um absurdo, já que não tem um governo para te coibir ou o dinheiro para te obrigar, você não vai trabalhar e volta-se aos primórdios da humanidade com a coleta e caça para sobreviver e ai sim com um enorme egoísmo. 

O Evolucionismo que é um sistema ecológico funciona em áreas pequenas como uma tribo indígena, pois deriva de uma família, ou de um pai e uma mãe a sua formação e se gera uma comunidade que se organiza para poder enfrentar o meio que vivem e assim o mais adaptado sobrevive. Esse é o sistema ecológico que viabiliza a sociedade.

Mas qual a característica dele?

A união e a forma como surgiu, eliminando o egoísmo e o poder, mas dando valor à sabedoria.

Como montamos uma sociedade com base na competição, ela nos faz avançar, podemos notar isso com a evolução da Ásia quando se entra no século XX, onde de países feudais se tornaram grandes nações industrializadas. E eram arcaicas tecnologicamente, por que se baseavam na filosofia budista onde a harmonia deveria prevalecer. E com isso não se mexia no que estava pré-estabelecido. E assim e vida era estática e não dinâmica, o que o conservadorismo adoraria fazer com o mundo. Tudo em seu lugar e nenhum rico empobreceria e nenhum pobre se tornaria rico, por mais que eles falem em liberdade. Diferente do Liberalismo que vê a vida com dinamismo e não estática.

A maior ironia dessas filosofias são as que se consideram opostas e na verdade são extremamente semelhantes. O Comunismo e o Conservadorismo. Ambos almejam um sistema rígido de recompensa ou meio de pagamento, quem detém o poder, o mantem com mão de ferro, e desejam que o povo seja sempre um elemento teleguiado, isso é um robô que executa a sua função e não reclame ou fique doente e muito menos que precise de manutenção e ai está toda a ideia da LINHA DE MONTAGEM ORGANIZADA, o que não se diferencia em nada de um formigueiro, uma colmeia ou um cupinzeiro e veja a ironia, na colmeia o macho só serve para copular e morrer o resto todo é feito pelas fêmeas que mostram não precisar do homem para nada. E prestem atenção, todas essa populações são eunucos, ninguém tem prazer, todos tem função. E mesmo o rei e a rainha tem obrigações e não prazer. Compreende o medo.

O homem precisa do prazer para poder relaxar e se realimentar e enfrentar a batalha de se aprimorar pela dificuldade diária que deve enfrentar e encontrar soluções, e assim sobreviver mais um dia se aprimorando.

A felicidade está na conquista da verdade e a verdade é a realidade e não a ilusão, dessa forma precisamos saber relaxar dentro da realidade e não da ilusão onde o casamento ou o parceiro é a nossa felicidade, não o parceiro (a) devem ser conquistados para se ser feliz, mas nem por isso precisamos pegar um deusa de beleza que tenha cérebro de galinha, ou viver estourando o cartão de credito para satisfazê-la. Tem que ter algo em comum para isso poder ser ajustado a uma felicidade homeopática e não alopática, onde a conta bancária deve prevalecer ao máximo em tudo que se pode ou não chamar de felicidade material. Mesmo que m é rico sofre traição e trai pelo enfado do cotidiano e por que se iludiu ao escolher o parceiro(a) seja pela beleza ou pelo dinheiro.

A vida é aprendizado e reconhecimento dos erros que cometemos e não de passarmos a mão na cabeça do corrupto, pois dessa forma ele nunca reconhecerá que prejudicou alguém ou até matou alguém com a sua irresponsabilidade.

Por isso aprendem a perceber o que são isso é, como sentem a vida, o que desejam dela e o que esperam conquistar, para poderem embasar a sua felicidade dentro da quilo que tem como virtudes e aprimorar as virtudes que lhe faltam para conquista-la. Pois a felicidade se conquista e não se adquire.

O homem foi montado com 3 instintos básicos:

O de sobrevivência.
O sexual
E a felicidade. Ou a gratificação.

Como sabemos que acertamos? Quando somos felizes com o que realizamos e isso nos satisfez intimamente. Como isso é raro e se procura efetivamente o poder a supremacia isso se mostra um felicidade falsa, pois é o mundano interferindo no sagrado da nossa essência, e para podermos ser felizes na terra e podermos conviver com a humanidade, todos nós temos que eliminar o nosso egoísmo e orgulho(ilusão) do nosso convívio diário para podermos amar o desafio que é evoluir.

quarta-feira, 29 de abril de 2020

CORONA






VAMOS TENTAR POR ALGUM BOM SENSO NA CABEÇA DOS IDIOTAS QUE PENSAM COMO O BOSTONARO.

POR FAVOR LEIAM QUEM SABE VOCÊS COMPREENDEM O QUE ESTÁ EM JOGO. NÃO VALE A PENA CORRER RISCO PARA SOBREVIVER FINANCEIRAMENTE E MORRER SEM CAMA DE HOSPITAL PARA SER TRATADO.

COMO ACONTECE A IMUNIZAÇÃO DE UM VÍRUS EM NOSSO CORPO?
O SISTEMA IMUNOLÓGICO CRIA UM ANTICORPO QUE AFETA O VÍRUS QUIMICAMENTE EM ALGUM PONTO DE SUA VULNERABILIDADE, O MATANDO, MAS ISSO EM ALGUM MOMENTO COMO EM UM SISTEMA ECOLÓGICO ONDE UMA VARIEDADE DE ANIMAIS E PLANTAS SOBREVIVEM MESMO SENDO CONSUMIDOS E MORRENDO, ISSO TAMBÉM ACONTECE COM A COLONIA DE VÍRUS DA COVID -19, OS ANTICORPOS MATAM O VÍRUS, MAS SEMPRE SOBRAM RESÍDUOS DELES, POIS DEPENDE DA FORMA QUE O ANTICORPO ENCONTROU PARA MATAR O VÍRUS.

CASO ELE ATUE NA DIVISÃO OU PROCRIAÇÃO DO VÍRUS EVITANDO ELE SE MULTIPLICAR, ELE ACABA EXTINGUINDO A EXISTÊNCIA DO VÍRUS NO CORPO E COMO O ANTICORPO PERDE FUNÇÃO COM O TEMPO ELE É EXPELIDO E VOCÊ FICA VULNERÁVEL A DOENÇA. 𝓐𝓘𝓝𝓓𝓐 𝓝Ã𝓞 𝓢𝓔 𝓢𝓐𝓑𝓔 𝓒𝓞𝓜𝓞 𝓔𝓛𝓔 𝓕𝓤𝓝𝓒𝓘𝓞𝓝𝓐 𝓝𝓞 𝓢𝓔𝓤 𝓐𝓣𝓐𝓠𝓤𝓔 𝓐𝓞 𝓥Í𝓡𝓤𝓢. COMO NO CASO DA GRIPE, POR ISSO TOMAMOS A VACINA TODO ANO PARA EVITAR UMA CONSEQUÊNCIA MAIOR DA DOENÇA.



O GOVERNO COMO TODO PLANO DE SAÚDE TRABALHA POR ESTATÍSTICA, ISSO É COMPUTA AS DOENÇAS AGUDAS (MOMENTÂNEAS) E AS CRONICAS(CONSTANTES) E ASSIM CONTRATAM O MÉDICO, ENFERMEIRO E COMPRAM EQUIPAMENTOS MÉDICOS PARA AQUELE LIMITE DE ATENDIMENTO MENSAL.

AGORA A INFESTAÇÃO DO VÍRUS FUNCIONA PROGRESSIVAMENTE. EU NÃO SEI O NÚMERO DA PROPAGAÇÃO EFETIVA DO VÍRUS ENTRE HUMANOS, MAS VAMOS SUPOR QUE UM INFECTADO INFECTE 2 ISSO DIGAMOS UM INDIVIDUO E EM UMA HORA.

O CARA INFECTADO CHEGA PARA TRABALHAR E CUMPRIMENTA DOIS FUNCIONÁRIOS QUE ESTÃO NA SALA E OS INFECTA, ESSES DOIS VÃO PARA O CAFÉ E INFECTAM CADA UM MAIS DOIS, QUE VOLTAM A SUA SEÇÃO E ASSIM CADA UM MAIS 2 SÃO INFECTADOS. E ASSIM NO FINAL DO DIA SE A EMPRESA TIVER, DIGAMOS 1500 EMPREGADOS, TODOS ELE ESTARÃO INFECTADOS. AGORA IMAGINEM QUE ELES CHEGUEM EM CASA DEPOIS DO EXPEDIENTE E EM UMA FAMÍLIA DE 4 PESSOAS ELE OS INFECTE, ISSO É 1500 VEZES 4 QUE JÁ TEMOS 7500 PESSOAS INFECTADAS. E QUE ISSO IRÁ ECLODIR EM DOENÇA DIGAMOS EM 5 DIAS.

AGORA VEJAM. OS LEITOS EXTRA DO PACAEMBU E ANHEMBI SÃO APENAS 2000 LEITOS E TEMOS AO MENOS TEMPO 7500 INFECTADAS E PRECISANDO DE RESPIRADOR. PERCEBE O LIMITE QUE TEMOS. E TODOS OS LEITOS DO DOIS HOSPITAIS DE CAMPANHA NÃO POSSUEM TANTOS RESPIRADORES.
A PERGUNTA É: SE EU CONSIGO ACOMODAR 2000 E OS OUTROS 5.500 COMO FICAM?

MORREM EM CASA?

VEJA O ÍNDICE DE INFECTADOS QUE MORREM ESTÁ, AQUI NO BRASIL, EM 8.5% DOS 7.500 CONTAMINADOS TEMOS 637 VÃO MORRER. E LEMBREM-SE QUE OS 7.500 CADA UM INFECTOU DOIS E ASSIM TEMOS MAIS 15.000 INFECTADOS QUE VÃO APARECER NOS HOSPITAIS NO DIA SEGUINTE. E NO DIA SEGUINTE TEREMOS MAIS 30.000 NOVOS CASOS E NO DIA SEGUINTE MAIS 60.000 CASOS. EM 4 DIAS TEMOS UM TOTAL DE 112.500 PESSOAS CONTAMINADAS E COM ISSO TEREMOS 9.562 PESSOAS MORTAS. E APENAS 2,000 LEITOS POSSÍVEL DE SEREM USADOS PARA EVITAR QUE TANTA GENTE MORRA. ISSO EM 4 DIAS E A DOENÇA SE PROLONGA PELO QUE SE NOTOU POR 15 DIAS. FAÇA ESSA CONTA PARA 15 DIAS A PARTIR DO S 7.500 DO PRIMEIRO DIA. VEJA O NÚMERO DE PESSOAS INFECTADAS NO FINAL DE 15 DIAS?

VEJA DE ALGUMA FORMA O BOSTONARO ESTÁ CORRETO, POIS TODOS IRÃO PEGAR A DOENÇA. O QUE O ISOLAMENTO FAVORECE?

QUE A ANTA DO PRESIDENTE QUE 🅶🅴🆁🅴🅽🅲🅸🅰 O SISTEMA DE SAÚDE DO PAÍS, NÃO ENTRE EM COLAPSO E MUITO MAIS QUE APENAS OS 8,5% DOS INFECTADOS MORRAM, MAS ULTRAPASSE OS 10 OU 20% O QUE LHE DÁ A RESPONSABILIDADE TOTAL A ELE DE ASSASSINAR A POPULAÇÃO, PARA PODER SALVAR O PIB. VEJA QUE 20% DE 210 MI DE HABITANTES DÁ NADA MAIS NADA MENOS QUE APENAS 42 PESSOAS MORRENDO EM UM ANO OU MENOS. COMPREENDEU OU PRECISO DESENHAR.



ALÉM DISSO TEMOS UM TEMPO MAIOR PARA QUE SE DESCUBRA UM REMÉDIO EFETIVO QUE POSSA TRATAR O DOENTE OU A VACINA QUE PODERÁ IMUNIZAR A POPULAÇÃO E FAZÊ-LA SOBREVIVER COM UM ÍNDICE MENOR DE MORTANDADE QUE OS 8.5% QUE VEMOS CONSEGUINDO SEM OS HOSPITAIS ESTAREM LOTADOS.

SERÁ QUE CONSEGUI DEIXAR CLARO QUE O BOSTONARO PEGOU EFETIVAMENTE A DOENÇA, E ELA PARA ELE FOI ASSINTOMÁTICA, POIS É IMPOSSÍVEL QUE ELE COMO ELO DE LIGAÇÃO DE TODA A COMITIVA QUE FOI AOS EUA E VOLTARAM CONTAMINADOS, QUE ELE NÃO SE CONTAMINOU. ELE ESTAVA EM UMA BOLHA DENTRO DO AVIÃO PARA NÃO SER CONTAMINADO? ASSIM ELE COM A CABEÇA DE LESMA QUE ELE TEM, ELE SE VIU COMO UM SUPER HERÓI DE REVISTA EM QUADRINHOS COMO HITLER QUE FOI POUPADO DE MORRER POR UM SOLDADO INGLÊS E SE VIU COMO O SALVADOR DA PÁTRIA, POIS TODA A POPULAÇÃO TEM A GENÉTICA DELE E ASSIM TODOS VÃO TER A DOENÇA ASSINTOMÁTICA. ENTENDE QUE ELE ESTAVA APENAS E UNICAMENTE PENSANDO NELE E NA FAMÍLIA DELE E NO PIB PARA PODER SE REELEGER EM 2022?
SERÁ QUE VOCÊS SÃO TÃO IDIOTAS QUE NÃO PERCEBEM ISSO E ELE ESTÁ JOGANDO COM A VIDA DE VOCÊS?

PORRA, APRENDAM A GOSTAR DE VOCÊS E NÃO DOS OUTROS. A CARIDADE NÃO É PARA AMAR O OUTRO, MAS PARA DAR DINHEIRO PARA IGREJA E SUSTENTAR VAGABUNDO.

A CARIDADE NÃO EXISTE, ELA EXISTE POR TER O DINHEIRO E ASSIM TEMOS QUE DAR DINHEIRO PARA QUE SE FAÇAM AS COISAS, ISSO É, AS COISAS BOAS PARA A POPULAÇÃO.

PORRA PENSEM, SEM O DINHEIRO NINGUÉM MORRERIA DE FOME, POIS BASTAVA IR BUSCAR A COMIDA NO PÉ, O DINHEIRO É ALGO MOMENTÂNEO DENTRO DA ETERNIDADE TERRENA ATÉ O HOMEM CRIAR VERGONHA E TRATAR A TODOS COM FRATERNIDADE E NÃO USAR O OUTRO PARA SEU BENEFÍCIO, ACORDA POVÃO!

sábado, 24 de agosto de 2019

HUMANISMO






Não se trata aqui da teoria ou hipótese filosófica de Erasmo, mas uma visão pessoal da forma como consigo enxergar a vida que sofre a influência de Erasmo de Rotterdam.

Com base no Humanismo foram desenvolvidas três filosofias de vida e de ação econômica. A primeira o Liberalismo, a segunda o Socialismo, e a terceira o Evolucionismo. Essas 3 hipóteses ou filosofias, se baseiam em três características humanas.

O Liberalismo está baseado na liberdade do pensar de descobrir novas fórmulas para desenvolver facilidades e conformações da vida para melhorar o nosso caminho e a conquista da liberdade. Assim o ato de pensar é livre e pode trazer muita novidade. Por isso URSS usou o lápis para poder escrever anotações no espaço e o EUA desenvolveu a canetinha hidrocor. As duas soluções resolveram o problema, mas cada uma a sua forma.

Aí entramos no Socialismo, que o pessoal confunde com o comunismo, que é uma base muito limitante para o ser humano, pois limita a sua capacidade de pensar e descobrir. Já o Socialismo [é diferente pois ele congrega a comunidade coma suas obrigações e deveres, mas dentro de um trabalho de harmonia e colaboração onde não se disputa com o outro pela supremacia de algo que é muito instável e relativo. Isso se dá por que se confunde a concorrência com o outro, com a naturalidade da concorrência consigo mesmo. O outro é apenas e unicamente um parâmetro e não uma realidade sua, mas por ele ganhar mercado ou se aplaudido se acredita que o nosso caminho deve ser o mesmo dele, quando na verdade é unicamente uma das formulas que podemos usar para atingirmos o objetivo, como no caso do lápis e da canetinha hidrocor.

Por fim o evolutivo, que foi totalmente deturpado dentro da visão nazista, pois elimina o supostamente inferior. Essa teoria ou hipótese surge derivada da evolução das espécies de Darwin. Realmente o homem deve evoluir, mas mentalmente não necessariamente fisicamente. Uma das questões usadas é a de raça que Darwin desmistifica, por ela não existir. Acho que das três, a mais difícil ainda do pessoal compreender é essa. Vou tentar esclarecer o que é a evolução das espécies aqui.

O melhor exemplo que encontrei foi do Urso Polar. O Urso pardo sempre viveu no hemisfério norte e assim ele se aventurou à caça de alimento por toda a região, inclusive a polar. Mas veja a dificuldade de caçar em uma paisagem branca sendo um ponto escuro em toda a paisagem. Os que persistiam morriam de fome os que percebia que não teriam sucesso retornavam pelo caminho que vieram. Assim a natureza com sua sabedoria promove uma mutação gênica em um feto de urso pardo, o torna com pelagem branca e assim ele começa a poder se aventurar pelo polo e ter sucesso na sua caça. As fêmeas da região vão acabar dando preferência para a cópula com esses grandes mamíferos brancos e com o tempo eles limitaram seus espaços pois na floresta os brancos serão facilmente avistados e no polo os pardos e assim eles naturalmente se distanciam e habitam uma região especifica sem competirem entre si pelo alimento. Tornando-se assim com o passar dos séculos e milênios espécies distintas onde não teremos um feto vivo ou uma reprodução ativa entre um pardo e um polar, mostrando que são dois animais distintos.

Se eu lhe perguntar quem é o melhor, o urso pardo ou o urso polar, qual seria a sua opinião?

Se você não usar a sua ilusão para responder por achar o branco mais bonitinho e manso, falará nenhum. Note que eles se adaptaram e essa é a grande palavra que diferencia tudo, pois um no habitat do outro morre de fome, mas no seu habitat ele se torna o rei do pedaço.

E o humanismo evolutivo se perde nessa premissa, onde se estabelece que o grande gênio humano é o ariano quando na verdade ele é o urso branco que se adaptou muito bem no hemisfério norte, onde na África ele conseguiria um enorme câncer de pele.

Mas é claro que esse valor físico ou corporal não é o efeito relevante para a evolução humana, mas o desenvolvimento de suas habilidades como ser humano, ie, as virtudes humanas, não apenas a intelectual, mas as que possam dar a sabedoria ao homem.

Assim há serviços ainda que necessitam de uma mão de obra pesada e outras mais características de pensamento limpo e técnico, não deixando de ser imprescindível, nenhum deles.

Um empresário ainda precisa de um peão de fábrica para poder conseguir fazer e distribuir o produto que fabrica, assim por que o peão é menos importante que o empresário? Porque o empresário pode fazer fluir a visão de mercado e promover o sustento de tanta gente que trabalha para ele? Ele ser único? Mas ele tem um concorrente e por um pequeno deslize ele pode pôr tudo a perder e deixar todos na rua da amargura. Agora sem a equipe de empregados ele efetivamente não é um empresário e sem o empregado a equipe não consegue fazer nada assim todos fazem parte da equipe como um corpo único. E essa foi a visão de Marx, o erro dele foi impor isso e não ensinar isso.

Com o liberalismo isso se volta mais para o financeiro, pois ele acaba inconsciente mente promovendo a ganância, pois as ideias produtivas são as que geram negócios ou novas visões de comercialização ou mesmo de criação de maquinários e assim baratear o produto, dar rapidez na sua produção e gerar um mercado cativo. Ford erra ao dizer que todos os americanos poderiam ter o caro da cor que desejasse, contanto que fosse preto, pois isso barateava o produto. Como os ingleses que forçaram a abolição da escravatura para ampliar o seu mercado com a revolução industrial, Ford fez o mesmo de outra forma aumentando o valor do salário de quem trabalhava para ele pois eles também eram consumidores de seus carros, isso movimentava o mercado e o ampliava, já que a linha de montagem se tornou eficiente na alta produção de volume de veículos.

Agora vamos aos fatos do de estarmos nos organizando através de um sistema financeiro para promovermos alguma suposta justiça, que na verdade é injusto, pois como definir coerentemente o salário de alguém pelo serviço que faz. Imaginem o lixeiro entrando em grave e o lixo ficar amontoado pela via pública com as vezes acontece. Se isso perdurar por um longo tempo você vai ficar doente ou se começará a pôr fogo nessas pilhas na via pública e assim promover acidentalmente incêndios e não se conseguir vaga ou antibiótico suficiente para atender a população. Quanto custa isso para você. Quanto custa para esse lixeiro ou para toda a equipe perder emprego por uma questão de concorrência pública e assim eles ficaram na caça de emprego no mercado.

Mas vamos a Bacunin com o seu anarquismo que também é uma filosofia humana, além de desrespeitar o patrão que é algo desnecessário, pois não somos autossuficientes em química fina, física quântica e mecânica como em biomedicina ou meramente mercado para uma só pessoa resolver todos os problemas que um só individuo possa ter durante a sua vida, mas lhe dá extrema liberdade de pensar e assim criar e se desenvolver sem a obrigatoriedade de dever ou responsabilidade sobre o todo. E aí está o erro da filosofia além da agressividade exacerbada. Mas ela rivaliza com o Liberalismo, que ambos massacram a sociedade em seu EXTREMO. Na verdade, todas elas matam a população quando levadas a seu extremo individual.

A grande vantagem do Anarquismo é o fim do sistema financeiro, pois elimina definitivamente o pobre. Mas vamos olhar o problema que gera. O dinheiro ou o salário no final do mês nada mais é que a recompensa pelo sacrifício feito naquele mês. Eu não trabalho por caridade, mas por uma recompensa que se habituou traduzir por dinheiro que está envolvida no instinto humano de sobrevivência e poder do homem.

Me explicando. O salário é o item que podemos chamar de felicidade, pois me facilita a vida com comida e maquinas necessárias para solucionarem a minha vida, assim eu posso comer pizza no fim de semana, comprar um carro, mesmo que seja a prestação, ter uma máquina de lavar, secar e assar se for o meu desejo ou necessidade. A questão é o tempo que levo para que isso possa ser conquistado dentro da minha vida, que está diretamente ligado ao valor do salário que recebo e aí fica a injustiça do sistema, uma por que ninguém ou nenhuma indústria vai produzir 100 milhões de TVs para atender a população brasileiro em um mês, pois no mês seguinte todos perdem o emprego, assim você tem uma produção para atender o mercado e não para atender a população e o dinheiro permite isso. Mas vai ter aquele que vai no vizinho ver TV até que a tecnologia reduza o preço e permita a muito mais gente ter o bem. Como carro, geladeira, computador e outros bens. Mas por que ele pode ter uma TV antes de mim? Porque ele ganha mais. Por que ele ganha mais? Porque atividade profissional que ele exerce tem menos gente capaz de fazer o serviço e para o atrair eu preciso lhe dar um salário mais convidativo, pois eu preciso da colaboração dele. Mas isso não é uma questão apenas de estudar. Para se ter sucesso em uma profissão eu tenho que gostar e entender não apenas racionalmente, mas sensivelmente daquilo que faço, para poder ter sucesso além de ter os instrumentos ideais. Veja não adianta eu gostar de cantar e ter um vozeirão potente, se eu desafino até para pedir água. Tenho que me analisar e me compreender para saber onde sou bom e onde sou extremamente limitado, isso evita que eu seja apenas o lixeiro, pois é uma profissão que com o tempo deverá desaparecer por ser insalubre e realmente o ganho intelectual talvez seja mínimo ou com uma necessidade relativa de instrução que o rapidamente o funcionário percebe suas nuances e deixa de evoluir mais rapidamente. Todo trabalho é um sistema evolutivo de conhecimento e aptidão.

Veja eu não tenho um ouvido absoluto, na verdade sou mais surdo que ser absoluto. Assim eu preciso ir estudar música com um piano do lado ou aprender a tocar o próprio piano, pois assim eu vou conseguindo absorver as notas e diferenciá-las com precisão. As vezes vejo gente que toca sanfona, flauta, violão e outros instrumentos e eu nem tocar campainha direito sei, pois sou lerdo para correr e me esconder. Fico imaginando como essa moça (no caso) com seguiu esse efeito. Ela pagou o preço com várias reencarnações. Pastou como eu para tentar entender as notas ou diferenciá-las onde eu estou ainda no seu início, mas ela iniciou muito antes. E são essas qualidades que conseguimos desenvolver pela perseverança de várias vidas que nos possibilitou hoje termos uma profissão de destaque e sucesso e não por termos apenas aprendido, mas recordado e é isso que é o importante da história. Creio que muitos fizeram vestibular para faculdade e no cursinho tiveram que recordar tudo que aprenderam nas matérias no colégio. Seria o mesmo processo dentro da vida humana. Como Lavoisier dizia: NADA SE CRIA TUDO SE COPIA. Ou se repete.

Veja que a Noruega de um país pobre até 1949 na Europa, na verdade o mais pobre, se tornou um país riquíssimo, onde por determinadas características territoriais e de fronteira superaram essa pobreza com a descoberta do petróleo. Veja que ele são uma país com uma população pequena, de 5 milhões de habitantes e uma grande parte do seu território estar coberto de neve o que inviabiliza da produção de alimento. Assim a estabilidade populacional e ainda a grande procura pelo petróleo consegui produzir uma economia pujante e que atende toda a população local, mas não com o gasto direto do dinheiro da venda do petróleo, mas do seu investimento em empresas e países e assim o lucro satisfaz as necessidades da população mesmo com impostos altos pagos por todos e uma vida satisfatória. Eles não são arianos, mas escandinavos apesar da raiz germânica, não tem nada com a filosofia nazista de evolução, mas de Darwin, onde ele pelas características do país e a pequena população conseguiram encontrar o EQUILÍBRIO ideal no sistema financeiro em que vivemos, permitindo a todos terem uma vida satisfatória e estável. Eles se consideram um sistema socialista.

O Dinheiro tem sua parte boa e ruim. Pois ele é um limitador. Ao conseguirmos aprender o que é necessário para cada um e isso é uma DEFINIÇÃO pessoal, o dinheiro nos limita e nos proporciona essa visão. Obvio que eu como adolescente vou querer ter uma Ferrari na garagem, pois isso me mostra o poder, pois isso me permitirá ter o poder de escolher e não de ser escolhido e ter uma mulher meia boca para sobreviver ou gozar. O mesmo acontece com a mulher, mas ela não quer ter uma Ferrari, pois o poder dela não está em ser o provedor o abastardo, mas na beleza na sensualidade na mulher desejável que é o instinto do mamífero, no pássaro é o macho que precisa ser bonito e agradável a fêmea normalmente não tem brilho, isso se vê no pavão que é a melhor representação da classe. Ambos, macho e fêmea, almejam o poder e assim o domínio.

Mas veja qual efetivamente é a necessidade real de uma Ferrari ou de uma beleza exuberante que vai enrugar muito rapidamente depois dos 40. A beleza e a Ferrari servem apenas para chamar a atenção e depois o que passa a valer para uma vida em comum são os desejos e objetivos de vida. Assim se pode descartar a Ferrari e comprar uma Kombi para carregar a família, pode ser uma grande alternativa. Isso se chama maturidade. A beleza é relativa já que ele passa pelo íntimo do homem e da mulher e assim o seu espírito de felicidade ou de alegria o torna belo aos olhos que quem vê e tema sensibilidade de saber apreciar, o resto passa a ser apenas libido.

Esse processo de maturidade vai fazendo com que você saiba e compreenda o que lhe é necessário para ter uma vida plena e não uma ostentação, pois você não vive para você mas para os outros e é isso que o diferencia do adulto e do adolescente, pois o adolescente está se transformando para se descobrir e ser aceito, pois ele depende dos outros para se descobrir, já o maduro ou adulto não precisa disso, pois ele sabe quem é e como lidar com quem não o aceita sem precisar da aprovação dele, pois por si mesmo se aceita e sabe o que deseja ou espera poder conseguir. Assim quem briga ou discute ou ainda não amadureceu ou ainda não se conhece. Mas isso não te proibi de ter opinião ou de externa-la.

Falei tudo isso para que se compreenda que não temos necessidade de tanta coisa com tem no mundo. Eu por ficar dentro de casa e gostar de arrumar meu pensamento em folha de papel, para mim é muito melhor um computador que um “uai que pode” ou “uai que pede” Pois eu vou gastar muito dedão digitando e o erro que já acontece no enorme teclado do computador, vai se intensificar no “uai que pode” Assim eu tenho um celular, mas que é telefone e não um computador em miniatura. Na verdade, o computador e o celular “que tudo pode” tem o mesmo valor de mercado, só que o computador ainda tem uma impressora que o “que pode” não carrega e custam mais ou menos o mesmo preço, assim para que vou ter um “uai que pode”???

Isso é uma lei da natureza que se chama adaptação. Para se evoluir tem que se adaptar as condições do meio e das necessidades.

Agora eu falei, falei, falei e não expliquei por que falei tanto. Simples! O meio de se ter um sistema político eficiente e que satisfaça a toda a população mundial é exatamente ter um equilíbrio real dentro do humanismo como o evolutivo sendo adaptado ao meio, isso é a região do país ou continente. Ter o liberalismo voltada ás ideias e não à competição e a análise da sua utilidade ao homem e não ao mercado, apesar de o mercado existe e não poder superar a humanidade que é o que acontece hoje. E o humanismo social pois é a função de proteção que nos tornamos cidades e países e assim deixarmos que uma ser que nos peça AJUDA, não seja amparado na sua necessidade básica de viver e se alimentar para isso como de aprender e se desenvolver, mas não podemos esquecer que ele tem o livre arbítrio para escolher ser um indigente ou um ser útil à sociedade, mesmo que na pobreza.

A sociedade deve proteger e amparar os mais fracos, mas também deve ponderar a leviandade desse ser que poderá abusar da bondade governamental ou social e ser enviado para uma prisão se necessário para ser REABILITADO e não punido, pois veja que a Guerra entre Israel e a Palestina é parece ser eterna, onde ambos têm o direito inalienável de viver na região com a sua cultura, organização e com o seu território. E assim serem úteis para ambos. Como isso surgiu na guerra fria, Israel surgiu nessa época os dois gigantes do momento instituíram sua guerra particular ali para poderem testar veículos e medir forças como um laboratório particular onde faziam testes se poderiam vencer ou não uma ao outro e não efetivamente Israel ou Palestina. O mesmo aconteceu com a Alemanha na primeira guerra mundial, onde a França se sobrepôs à Alemanha e a humilhou fazendo seu povo sofrer e os detestar e assim ter um louco para os comandar e criar o maior desastre mundial com a segunda guerra mundial. O mesmo, fizeram com os franceses com a sua Republica, que era sem sombra de dúvida uma evolução social, mas pela competição deterioraram a administração pública pois vários grupos desejavam o poder e os países que eram todos reinos comandados por monarcas se viram confrontados com a novidade e assim poderiam perder seu reinado e sua moleza e assim agiram tomando parte do território francês pela balburdia e pelos assassinatos públicos da família real e os adversários permitindo aos reinos fronteiriços subjugarem parte da França e assim surge outro louco de poder Napoleão e quem deveria apenas estabelecer as fronteiras francesas extrapola na sua ânsia de conquista e estabelece um reinado deixando a república no ré do chão da história.

Assim isso demonstra nitidamente que punir um assaltante o colocando improdutivamente esse indivíduo dentro de um cubículo, ele irá se rebelar e acabar se profissionalizando em suas habilidades de sobrevivência e se tornar um grande criminoso dentro da sociedade. Apesar de ser relativo a questão de tempo para a reabilitação, isso nunca deveria ser realizado sem a efetiva reabilitação do indivíduo, pois cada um deles se recupera em um tempo especifico e assim uma cara que fica 30 anos pode se reabilitar com 5 ou nunca se reabilitar com os trinta como ficou claríssimo com o bandido da luz vermelha. Que ao sair depois de 30 anos de prisão foi morto por praticar ou tentar estuprar a mulher de quem o estava acolhendo em casa. Assim que é preso ou oprimido se submete ou se rebela e o rebelado não se recupera, mas o que se submete pode se reabilitar e assim voltar a ser útil socialmente e ai fica claro a existência do livre arbítrio e que oprimir não é o melhor caminho para resolver uma situação como a Guerra da Alemanha ou a de Israel ou o prisioneiro tratado como gado dentro da cadeia com superlotação e sem nada a fazer que curtindo seu azar de ter sido pego. Isso é instinto básico simples e uma lei natural.

Vou me explicar como questão de lei natural. Todos os animais e plantas, pelo que se imagina na botânica, possuem um instinto de sobrevivência. Assim somos todos programados para nos mantermos vivos, por isso muitos suicidas se planejam para que outros os matem, seja o rapaz do ônibus no Rio ou um louco americano que entra no shopping atirando em todo mundo, ele quer ser assassinado. Assim a bactéria também faz o mesmo, quando tomamos antibiótico as bactérias que não morreram se tornam resistente ao remédio e assim a espécie continua existindo. O mesmo com ratos, as cobras que são seus predadores não suportaram viver no meio urbano, e os ratos que conseguiram se adaptar nos esgotos vivem felizes se alimentado por ali. Quando a população ultrapassa um limite, eles saem para a superfície para poder se alimentar e é onde os encontramos dentro de casa fazendo tocas e moradias para continuarem usufruindo da comida e sobrevivendo. O mesmo com as baratas. Nessa situação somos nós que nos tornamos os predadores deles limitando a população de ratos e baratas, como se fazia antes com cachorros vadios e gatos onde eram mortos na carrocinha e hoje se castra para evitar o cachorro de rua que passou a ser uma ilusão, onde principalmente um macho castrado abandonado não consegue sobreviver, pois não consegue realizar o limite de seu território perdendo a sua agressividade natural e morrendo abandonado. O melhor seria fazer vasec ou fechar as trompas, mas isso é mais trabalhoso e assim mais caro e então, se mutila o animal.

Com isso você tolher um ser humano que tem imaginação, inteligência e determinação, ser capaz de se vingar e assim continuar prejudicando a sociedade. Usar o humanismo como premissa de uma sociedade não é tratar os outros como entulho ou lixo os acumulando em enxotando em um ambulatório ou em uma prisão, mas dar a dignidade necessária a ele poder ser tratado como um ser humano, pois nunca sabemos a quem estamos ofendendo e como ele irá reagir nos confrontando.

Assim a humanidade não é algo que devemos falar em liberalismo, socialismo ou evolucionismo, mas em humanismo onde os três agem indistintamente e devemos conciliar o meio e a cultura da população para podermos ter uma vida harmônica, mas com desafios para que sempre possamos crescer e nos desenvolver para o objetivo final que ainda não temos uma noção nítida do que vem a ser esse objetivo, mas com toda certeza é ter tolerância com todos e podermos viver juntos pois estamos junto e somos limitados e sempre vamos depender uns dos outros, não importando como, pois mesmo o lixeiro que não conhecemos e que vem nos pedir uma caixinha no final do ano que era o abono natalino, que se tornou lei com o 13º salário, nos proporciona uma saúde melhor ou a prevenção da saúde que podemos ter. Como o médico que descobre e nos cura ou o cientista que elabora o remédio para uma doença especifica que alivia a vida de muita gente e proporciona uma maior sobrevida a todos.

Por isso o radicalismo, seja de direita, de esquerda, transverso ou na diagonal sempre vai nos levar a uma situação extrema que deteriorará algo, pois tudo na natureza agem em equilíbrio e assim devemos saber como lidar com o socialismo o liberalismo e o evolucionismo nos adequando ao meio ambiente que temos e à cultura que conquistamos.

 A FELICIDADE É UM PRODUTO DE DOIS INSTINTOS HUMANOS, A SOBREVIVENCIA E A PERPETUAÇÃO DA ESPÉCIE, COM ESSAS DUAS PROGRAMAÇÕES TEMOS E DEVEMOS CONSEGUIR A FELICIDADE E ASSIM ELA PASSA A SER UMA CONQUISTA E NUNCA UM DIREITO, POIS É COMO LIDAMOS COM ESSAS DUAS PROGRAMAÇÕES QUE VAMOS EFETIVAMENTE IMPLANTAR O PARAÍSO TERRENO PARA NÓS.

sexta-feira, 5 de abril de 2019

AFINAL ESTAMOS OU NÃO EM UMA DITADURA?










Estou postando isso, apenas por considerar que nada é verdadeiramente dúbio quanto interpretar algo sem prova cabal. Infelizmente isso só acontece de se ter alguma precisão em física e matemática e mesmo assim se pondera. Na verdade, a História sempre é dado a visão do ganhador, dificilmente o perdedor tece uma opinião, mas isso acontece no campo acadêmico. No caso o Brasil por recriminar a ditadura a Esquerda se valorizou e mostrou a verdade como desejou, QUE ESTAVAM LUTANDO PELA DEMOCRACIA, A DEMOCRACIA DELES, COMO PUDEMOS VER COM O PT NO GOVERNO. Agora estamos com outro problema o Fake News do outro lado da moeda, onde não houve ditadura, foi um ato constitucional e que ninguém morreu ou foi torturado ou se foi era por que merceia, como o Herzog, isso por ser simpatizante e não ter nenhuma informação relevante. Como sempre toda a pseudo justiça do homem comete erro como ontem libertaram um mecânico que usaram o RG dele para assaltar algo a 23 anos e ele ficou preso por 4 meses e a justiça sabia que ele era inocente. Assim morreram gente inocente de ambos os lados como o rapaz assassinado pelo covarde do Genoíno por não aceitar a sua filosofia, isso no Araguaia ou aqui na Mooca o assassinato de um ou dois dedos duros pela milícia esquerdista, por traição. Ou por terem denunciado alguém, já que era o dono de uma pizzaria e dificilmente faria parte de algo onde tudo era do Estado.



Realmente passamos por um enorme combate à Fake News Petista com os MAV e agora estamos a volta com a mesma merda com os BOLSOMINIONS. Na verdade, havia sim uma enorme vontade na época de se fazer uma tomada de poder e alterar o sistema. Jango, era fascista por influência de Vargas, e era apoiado pela Esquerda comunista, a URSS ainda existia e assim eles comandavam a orquestra. Os fascistas estavam restritos à Portugal e Espanha e isso só mudaria nos anos 70. A UDN queria por que queria destruir toda a CLT e o legado de Vargas e assim tínhamos correntes querendo tomar o Brasil. Não se esperava que haveria uma 4ª força o exército. Até o fim do governo do Castelo Branco ninguém se indispôs com o governo, apesar das manifestações de protestos. Mas nada além de passeatas, pois todos esperavam que ele promovesse em 1965 as eleições para presidente. Não o fizeram, e assim a esquerda mais radical se viu no direito de partir para cima do governo com assaltos a bancos e atentados terroristas para dar instabilidade ao governo e se conseguir dinheiro para se poder financiar a suas operações para conquistarem o governo que esperavam conseguir isso pela eleição. Dessa forma a crise da violência e da ditadura se institui e tem dois auges, uma em 67 com a nova constituição e em 68 com o AI -5. Veja que o generalato tem motivos para implantar a dureza como a esquerda se sentindo frustrada, parte para a única alternativa que poderiam ter, a luta armada, pois não teriam outro meio de se posicionar dentro do governo que não fosse eliminando o próprio governo. Mas como vimos, a esquerda se supervalorizou como aconteceu com as Farcs na Colômbia. Só se tem alguma alteração no governo com um golpe de Estado com o exército do seu lado ou a Rússia (veja a Síria) ou os EUA ou ainda como uma revolta efetiva da população como um todo como no caso do Egito. O governo militar foi efetivamente uma ditadura, como a esquerda queria e ainda quer implantar uma ditadura e os militares fizeram uma ditadura conservadora, ie, privilegio o capital e ferrou o trabalhador que produz e sustenta o país. Realmente a confusão entre a ditadura de Vargas e os militares é o foco, uma privilegiava os trabalhadores que na época era necessária, pois até 1930 não havia nada que pudesse defender ou negociar com o patrão para dar alguma vida digna ao trabalhador, o problema disso é que uma coisa poder ser ótima em um momento e péssimo em outro, mas o que os militares fizeram foi concentrar a renda na mão de poucos e deixar o povo na miséria e ainda destruir a escola pública tornando os pobres ignorantes e dando chance ao ricos de terem uma boa escola e entrarem nas universidades governamentais, pois como capitalistas não deveriam questionar o governo e parece que o tiro saiu pela culatra com os movimentos nas universidades federais e estaduais. Talvez pela cota. Talvez pela propaganda petralha, mas foderam a universidade pública.




Aqui temos dois pontos de vista, se for desculpa ou não, não dá para saber. Os militares para extinguir o analfabetismo tinham que ampliar as vagas na escola pública, e assim com se ampliou demais o número de professores, o salário foi drasticamente reduzido, pois a verba era a mesma para pagar 100 ou 1000. Com isso em diadema havia a empregada de uma amiga que dava aula para as crianças, acho que alfabetização, mas não creio que ela tivesse concluído o ginásio ou primário. Bom com a cota se colocou os limitados alunos por serem pretos índios ou virem de escola pública nas universidades públicas nitidamente reduzindo a eficiência da universidade nos seus cursos de profissionalização e acadêmicos. Assim pudemos presenciar a putaria que se tornou as universidades. Se isso foi ou não a causa, não dá para afirmar, pois os grandes maconheiros das universidades públicas tinham dinheiro para fazer a zona que fizeram e ainda financiados por partidos políticos de esquerda. Então sim na minha visão temos uma ditadura de direita conservadora contra uma ditadura de direita fascista que seria implantada pelo PT ou um absurdo como na Venezuela, que acho meio difícil, pois eles estavam abrindo as pernas para as montadoras e formando grandes empresas de comunicação e alimentos e outros mercados que pudessem ser cartelizados. Agora estamos exatamente no lugar que no final dos anos 60 uma ditadura conservadora que se o congresso continuar engessando as leis que a população deseja como as de anticorrupção, eles vão acabar tomando um fechamento do congresso para se poder impor a vontade popular e depois disso não vamos mais saber como o país reagirá a uma ditadura que talvez não deseja mais sair do poder.